Pesquisar este blog

O hotel

O motorista do táxi que me levou do aeroporto ao hotel em Fortaleza deve ter feito sua última viagem de taxista. Ou ele morreu depois em alguma esquina perigosa como as que ele cruzou comigo usando de freio apenas a buzina, ou será a grande revelação da próxima temporada da Formula 1.



Quando ele me deixou em frente a um casarão colonial dizendo que era o hotel eu não acreditei mas também não discuti, temendo precisar voltar ao táxi para ele voar até o endereço certo. Quando o coração desceu da garganta e voltou a bater no peito percebi que o hotel era mesmo ali. Devia ser uma casa velha adaptada como são as pousadas, mas quando o recepcionista falou em décimo terceiro andar percebi que o hotel era um edifício erguido atrás da fachada tombada.

O hotel me surpreendeu. Quarto novo, limpo e enxuto com decoração minimalista e tudo funcionando e nesta ordem de importância para uma estadia feliz: Conexão ótima, banho que não congela e nem escalda e travesseiros feitos para sonhar. Eu queria morar ali.

Piscina? Deve ter, mas não vi. Academia? Sou indiferente. Café? Esse me interessa e tinha tudo o que gosto: mamão, abacaxi, manga, ovos mexidos, frios, café e pão francês. Se tinha bolos, doces, tortas? Não me pergunte pois não sou desse time. Antes de sair decidi abrir as cortinas e vi o quadro escondido atrás dela: o Atlântico pousado sobre uma praia de areia amarela e reduzindo à insignificância o imenso navio cargueiro perdido no horizonte.

Se um dia morar num hotel vai ser em um escondido atrás de um casarão. Mas vou de táxi comum porque os especiais voam.

Mario Persona é palestrante de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional. Seus serviços, livros, textos e entrevistas podem ser encontrados em www.mariopersona.com.br

© Mario Persona  - Quer publicar Mario Persona CAFE em seu blog? Não se esqueça de colocar um link apontando para www.mariopersona.com.br .

2 comentários:

Postagens populares

Loading...