Pesquisar este blog

Fiquei em dúvida se encontraria alguém para ler esta crônica, no apagar das luzes de 2002. Como escreveu o Jaime Troiano no cartão que recebi, “2002 parece ter sido mais longo que os anos anteriores. Elegemos um novo Presidente, conquistamos o Penta no futebol, o Mundial no voleibol e nunca discutimos tanto sobre política e sobre o rumo que queremos dar ao nosso país”. Ano longo esse.

Mas acabou. Ou deve acabar em alguns dias. E depois? Começar de novo. Do lado de cá, ainda tenho trabalho para entregar até dia 30, por incrível que possa parecer. Sim, o nome deste país é trabalho. E já começo a pintar a agenda de janeiro e fevereiro com palestras, textos e contratos de consultoria. O Brasil voltou a funcionar, tudo indica. E não pretende parar.

De Angola chega o e-mail pedindo para eu corrigir minha lista de 25 bandeiras dos países que visitaram meu site. São 26, informa o leitor com razão. Corri lá colar a nova bandeira, porque o cliente sempre tem razão. Não pode sair descontente, ou... Bem, leia sobre isso em “Queimados pelos clientes descontentes”.

P.S.: O site da Siciliano está dando 10% de desconto em meus livros, para quem quiser dar um presente para o sobrinho micreiro e o cunhado empreendedor clicando aqui.

P.S.2: Dias 21 e 22 de Janeiro de 2003 estou palestrando na 4a. CONFERÊNCIA NACIONAL DE LOGÍSTICA COLABORATIVA do IBC em São Paulo. Inscrições no link abaixo. Experimente falar que é leitor do Mario Persona. Pode ser que ganhe um desconto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares

Loading...