Pesquisar este blog

Ok, a Terra é plana. Mas alguém já combinou com os russos?



https://youtu.be/B8QMQYlExx4

Depois que o WikiLeaks jogou no ventilador uma batelada de documentos secretos, o mundo se surpreendeu com segredos jamais revelados. Um deles acaba de chegar às minhas mãos na forma de uma gravação telefônica que vou transcrever aqui. Não posso revelar a fonte. Se o fizer, terei de matá-lo. Se você disser que fui eu quem publicou, eu nego.

4 de outubro de 1957. O telefone vermelho toca na Casa Branca e o presidente Eisenhower atende com uma mão, enquanto com a outra dá sinal para o Secretário de Defesa acender os pavios dos mísseis intercontinentais. Um holocausto global — ou deveria dizer “planal”? — pode estar prestes a acontecer.

Hello? Quem é? — pergunta Dwight David Eisenhower, como se não soubesse.
Aqui é Nikita Khrushchev — responde seu arqui-inimigo do outro lado da linha. Eisenhower sente seus ossos gelarem com o hálito siberiano.
Mas pode me chamar de “Niki”. Não liguei para declarar guerra, não — completou o cossaco, tranquilizando o gringo.
Ah, tá “Niki”... Então pode me chamar de “Ike”, a pronúncia é “Aike” como em “Nike”, a marca daquele... deixa pra lá. Mas what's up, Niki? Se não é guerra por que ligou no telefone vermelho?
Por causa da promoção. A operadora está dando desconto para ligações de vermelho para vermelho. Não tem nada a ver com guerra não...

Eisenhower ordena ao Secretário de Defesa que corra jogar um balde de água nos pavios dos mísseis intercontinentais.

Você já deve estar sabendo que lançamos o Sputnik — diz Nikita, não conseguindo disfarçar o orgulho em sua voz. — Mas não se preocupe. Não liguei para tirar uma da sua cara não...
Tá, vou fazer de conta que estou acreditando — respondeu Eisenhower enquanto acendia seu inseparável cachimbo.
Sim, ficamos sabendo do Sputnik, mas até agora no rádio só recebemos “Bip! Bip! Bip!...”. Quando vocês vão começar a transmitir a programação?
Por enquanto ele só consegue fazer “Bip!” — respondeu Khrushchev, terminando seu segundo copo de vodka — Mas vamos chegar lá. A questão agora é outra.
Outra? Que outra?
O Sputnik não está no espaço coisa nenhuma. Ele bateu no domo e ficou enganchado lá fazendo “Bip! Bip!”.
Que domo? Aquele do seriado? — perguntou Eisenhower, ignorando que “Under The Dome” ainda não tinha sido lançado.
Não, o domo que todo mundo pensava que era o espaço, mas não é. Acima da Terra existe um domo, uma abóbada, e tudo acaba ali. E tem mais...
Mais?
Sim, antes de bater no domo o Sputnik transmitiu uma foto da Terra. Camarada, você não vai acreditar: A Terra é chata!
Não fique assim, Niki, procure sair, viajar, se divertir. Você vai ver que não é tão chato viver na Terra não...
Camarada, eu estou dizendo que a Terra é plana! Não é um globo, Ike, é uma mesa!

A voz de Nikita Khrushchev demonstrava uma certa ansiedade. Eisenhower começou a ficar preocupado com alguém assim podendo apertar o botão do holocausto com seu dedo gordo. Era preocupante.

É, Niki, você precisa mesmo dar umas voltas. Seus assessores sabem que você está dizendo essas coisas? Fez 73 anos outro dia, né? Já começou a perder a memória? A patroa reclama que você não fala coisa com coisa? Hmmm.... Você come muita margarina, Niki?
Roubamos a fórmula de vocês para fabricar aqui. Sou viciado em pão com margarina. Por que?
Por nada não... continue comendo. Coma bastante, faz bem.
Ike, precisamos fazer alguma coisa. A Terra é plana e não dá para ir para o espaço porque o foguete bate na abóbada. Ir à Lua ou viajar para outros planetas, nem pensar.
O que é isso, Niki, num brinca não, parceiro... Estamos torrando milhões nesse negócio de passar a perna nos Russos na corrida espacial. É o que dá mais votos aqui hoje em dia.
Eu sei, foi por isso que liguei, para a gente combinar.
Combinar o que?
Combinar manter o bico calado e seguir em frente mentindo. Eu faço de conta que a gente colocou um satélite no espaço, depois faço de conta que mandei um homem pra lá. Aí é a vez de vocês fazerem de conta que mandaram um homem pra Lua...
Será que vai funcionar? E se alguém falar?
Se falar, morre. Nesse negócio de corrida espacial ocorrem muitos acidentes, explosões...

Eisenhower tapou o fone com a mão e mandou o secretário chamar Dulles e Hoover, da CIA e FBI, voltando a falar com Khrushchev:

Mas Niki, estou prevendo que nessa corrida para o espaço vão entrar outros países... França, Japão, China, Grã-Bretanha, Índia, Israel, Ucrânia, Irã, até Coréia do Norte! Quem não mandar gente para o espaço vai mandar satélites. Você acha que tanta gente assim vai guardar segredo.
O dinheiro resolve tudo, Ike. Temos um projeto de expandir a revolução para a América do Sul. Quando a gente encontrar lá um país com bastante petróleo vamos colocar um dos nossos no governo. Vai sobrar dinheiro pra corromper toda essa gente. De corrupção e vodka a gente entende. Ha! Ha! Ha!...

Eisenhower nunca tinha ouvido Nikita Khrushchev gargalhar daquele jeito. Começou a pensar em voz alta, fazendo planos...

Então vamos precisar convencer todo mundo a participar da mentira de que a Terra é um globo, arredondar as fotos aéreas, aliciar astronautas com muita cara de pau...
Tranquilo. Vai funcionar — assegurou Niki.
Mas, Niki, e se o povo descobrir?
Não se preocupe, Ike. Qualquer um que sair por aí dizendo que a Terra é plana e coberta por uma abóbada rígida vai fazer papel de louco. Vão dizer que é teoria conspiratória.
Terra plana... Abóbada... — Eisenhower soltou uma longa baforada de seu cachimbo. — Taí uma ideia. Vou sugerir a Hollywood que faça um filme em homenagem ao presidente meu antecessor. Vai chamar “O Show de Truman” e vai reforçar o absurdo disso. Vou até sugerir que coloquem uma portinha no domo para o Truman poder sair se ele navegar até o fim do mar da Terra plana...

A voz de Nikita interrompeu o devaneio hollywoodiano de Eisenhower.

Estamos combinados, então? — perguntou Khrushchev, ainda engolindo seu quinto copo de vodka.
Sim, estamos combinados. Mesmo porque somente um doido iria acreditar que em plena Guerra Fria os Estados Unidos e a União Soviética teriam feito um acordo assim e ainda convencido uma dezena de nações a participarem da armação.
O povo cai que nem patinho na mentira, Ike. Como você acha que conseguimos implantar esse negócio de comunismo aqui? Mentindo pra caramba! Prometendo caviar e entregando uma ova. Aqui na Rússia temos um ditado: “Enquanto existir cavalgadura em abundância São Jorge não compra motocicleta”.
Niki, posso fazer uma pergunta?
Claro, Ike, agora somos compadres.
Minha mulher... ela vai ficar decepcionada... ela é fanática pela teoria conspiratória da Terra Oca. Você sabe dizer a espessura da Terra Plana?

Mario Persona é palestrante de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional. Seus serviços, livros, textos e entrevistas podem ser encontrados em www.mariopersona.com.br

© Mario Persona  - Quer publicar Mario Persona CAFE em seu blog? Não se esqueça de colocar um link apontando para www.mariopersona.com.br .

8 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Anônimo28/2/16

    Kkkkkkkkkk humor inteligente é outro nível...

    ResponderExcluir
  3. A melhor explicação que encontrei da "teoria" da terra plana!kkkkkkk

    ResponderExcluir
  4. Kkkkkk, muito bom, kkkkkk

    ResponderExcluir
  5. Tem muita verdade ai escondida .. por exemplo a viagem fake pra Lua....

    ResponderExcluir
  6. Anônimo2/6/16

    Teoria pura....a Terra é epicentrica com um refluxo organocanico e recoberta por matéria antididática. O Texto não reflete a realidade e ainda por cima cita a viagem a Lua, impossível devido a camada oscastica.

    ResponderExcluir
  7. Essa foi realmente espetacular kkkkkkk

    ResponderExcluir
  8. Essa foi realmente espetacular kkkkkkk

    ResponderExcluir

Postagens populares

Loading...