Pesquisar este blog

Cronica de uma jornada nas estrelas

Há uns dois meses o que pensei ser uma hérnia de disco tem conversado comigo em alta fidelidade. Pensei que fosse hérnia de LP, porque a dor não é de um compacto simples, mas descobri depois que uma vértebra belisca um nervo. Deitado ou de pé não sinto dor, o que me permite até trabalhar com o notebook sobre a cômoda. Mas por e tirar a cadeira de rodas de meu filho no porta-malas, ou me abaixar para cuidar dele é fazer curso de astronomia.

Para quem não sabe, tenho um filho adotivo que sofre de alguma paralisia cerebral, é cego e não anda. Mas felizmente não preciso carregá-lo, pois ele engatinha pela casa enxergando vultos e aprendeu a ir ao banheiro. Mas depois de sua visita ao trono alguém precisa colocar de volta a fralda, a cueca e a calça, enquanto ele aguarda paciente de quatro no chão do banheiro. Como ele faz uma visita ao banheiro a cada hora e meia, faça as contas.

Mas cuidar dele faz parte do contrato, e tudo fica melhor se eu assoviar a canção "He ain't heavy, he is my brother" dos "The Hollies". Se fosse só isso eu até me conformaria, mas como desgraça pouca é bobagem sempre tem aqueles imprevistos, e ontem teve um. Entrou uma mamangava na sala, aquela vespa tamanho GG que parece um besouro e tem uma ferroada de fazer até o Mike Tyson chorar. Nunca viu uma? Pense no Darth Vader de peruca que fica igual.

Bombus auricomus, F, face, Philidelphia, PA ---.. ZS PMax
Aí ela ficou achando que meu rosto era lindo como uma flor e queria pousar em meu nariz para sugar o néctar. Mal sabia ela que não é doce. Fazer contorcionismo para fugir da bruta não é exatamente o melhor remédio para quem está com dor na coluna. Consegui fugir pela porta e ela pela janela, mas teria sido uma tragédia se fosse o contrário, pois moro num segundo andar.

Hoje de manhã, na hora de meu filho ir ao trono, fiz o mesmo ritual dos últimos dias: dei uma agachadinha (porque não dá para dobrar o corpo) enquanto meu filho se segurava numa barra na parede ao lado do vaso. Aí eu preciso ser rápido para ele não fazer xixi ou algo mais tangível no chão, entre o tirar a fralda, cueca e calça e ajudá-lo a se sentar na privada.

Só que nessa hora a fralda está inchada do xixi da noite e meu filho está com as pernas bambas (que já são atrofiadas pela deficiência). E não é que justo hoje ele perdeu o equilíbrio e precisei segurá-lo com força para não cair? Se senti dor? Ora, a NASA já ligou três vezes insistindo para eu mandar a foto da galáxia que nem o telescópio Hubble tinha conseguido captar.

Pensa que acabou? Como diz na TV, "E tem mais! Se você ligar agora leva inteiramente grátis uma... MAMANGAVA!!". É, meu bem, ela voltou, só que voltou na cozinha enquanto eu e meu filho almoçávamos. Corri para fora da cozinha, mas e o meu filho?! O que eu poderia fazer para livrá-lo daquela ameaça alada? Ele não corre, não anda e não tem medo de mamangava porque nunca enxergou uma e nem sabe de quê ela é capaz. Ele até achou bonitinho o ronquinho que ela fazia enquanto eu beirava o desespero e corria para o banheiro em busca de uma toalha de rosto.

Felizmente a mamangava viu o próprio reflexo na maçaneta da porta, esférica e brilhante, e achou sua sua irmã gêmea que aparecia ali mais interessante que meu nariz. Narcisista que só, ela deu uma paradinha na maçaneta e foi o suficiente. A última coisa que a mamangava viu pelo retrovisor da maçaneta foi o reflexo de uma toalha de rosto vindo em sua direção à velocidade da luz.

Agora estou de molho numa bolsa de água quente e meio que achando que desperdicei uma bela oportunidade. É que me lembrei de que tem gente que cura reumatismo e dores no corpo com veneno de ferroada de abelha.

Mario Persona é palestrante de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional. Seus serviços, livros, textos e entrevistas podem ser encontrados em www.mariopersona.com.br

© Mario Persona  - Quer publicar Mario Persona CAFE em seu blog? Não se esqueça de colocar um link apontando para www.mariopersona.com.br .

4 comentários:

  1. Desculpa enquanto lia acabei achando engraçado ,rs , quero lhe dizer que estou aprendendo muito com os seus vídeos ,tenho escutado todos os dias a quase um mês ,obr obrig por dividir os seus conhecimentos , e sabe , ficou muito mas fácil de entender vários textos da bíblia,mas uma vez obrigada .

    ResponderExcluir
  2. Impressionante sua rotina como pai!
    Imagino que não é fácil.
    Li essa história que,adicionada com pitadas de humor, fica ainda mais interessante.
    Como encontro onde moro, os irmãos que congregam ao nome do senhor Jesus, por ventura teria algum irmão aqui. Moro em Macapá/AP
    Quero deixar um forte abraço !!!

    ResponderExcluir
  3. Impressionante sua rotina como pai!
    Imagino que não é fácil.
    Li essa história que, adicionada com uma pitada de humor, fica ainda mais interessante.
    Tenho aprendido muito com vc. Obg.
    Quero aproveitar a ocasião e abrir um-(onde encontro irmãos aqui em Macapá/AP)
    Um forte abraço...

    ResponderExcluir

Postagens populares